Tem rock no Trem!

em

Aumente o som da live porque o nosso trenzinho vai tremer.

Geraldo Guimarães Junior, mais conhecido como GG, cresceu na Pompeia, bairro paulistano em que floresceu o rock’n’roll brazuca. Bandas como Made in Brazil, Mutantes e Tutti Frutti, formadas por irmãos, vizinhos e amigos do bairro, tornaram-se ícones de gerações de fãs.

Berço do Rock, a Pompeia soube ir além. Nos anos 1970 e 1980, o Palmeiras recebia o Chic Show, bailes que reuniam centenas de fãs da Black Music. Jorge Ben Jor, Tim Maia e o lendário James Brown realizaram shows memoráveis nesses encontros.

O Punk Rock também deve muito ao bairro. Em novembro de 1982, o SESC Fábrica Pompeia foi palco do festival “O começo do fim do mundo”. Dois dias de som no talo e a energia de bandas entre Inocentes, Cólera, Olho Seco e Ratos de Porão.

O GG, Geraldo Guimarães, entrevistado desse domingo do Trem das Lives, é guitarrista de duas bandas, Santanás e Pompeia 72, além de ser colaborador assíduo da Feira de Artes da Pompeia. Uma estrada recheada de excelentes histórias, que ele dividirá conosco.

A Santanás é dedicada à obra de Carlos Santana. Já a Pompeia 72 cultua o som do Deep Purple, uma das principais influências de todo o rockeiro que se preze.

Plugue-se no nosso trenzinho. E curta as histórias de quem as vive e escreve.

Texto: Fernando Brengel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s