Caipiras, caiçaras, piraquaras…

Sertanejo por herança paterna, caipira pelo lado de minha mãe, eu cresci como todo mundo e, enquanto criança, fui apenas um garoto mineiro nascido em Uberaba. Após muitas andanças comecei a descobrir o que era ser caipira através do teatro. Atuando no CPT – o Centro de Pesquisa Teatral dirigido por Antunes Filho – estudamos... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: