Arte e a Bienal

Arte não é religião. Isto implica que sacralizar a obra de arte é, no mínimo, uma bobagem. Esta é uma premissa básica para estabelecer uma possível relação com o produto artístico. Sem medo de duvidar, de questionar, de inquirir e, também, de ficar irritado, assumir um blasé básico ante um déjà vu... como, por exemplo,... Continuar Lendo →

Para Uberaba, aqui de longe

Sei que ainda vou voltar... onde hei de ouvi cantar uma sabiá (Chico Buarque, Tom Jobim) Um ano sem ir a Uberaba (maldita pandemia!). Toca a viver de lembranças... E eu sinto uma saudade insana da estrada, da sensação de voltar, chegar na cidade onde nasci. As primeiras saídas, tentativas de mudança foram confusas. Era... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: