E somando pessoas, lugares…

Trago dentro do meu coração, Como num cofre que se não pode fechar de cheio, Todos os lugares onde estive... .  O colo de minha mãe e de minha tia Aurora nas noites cálidas de Uberaba Na oficina, o fogo da forja iluminando o rosto de meu pai E do quintal as lembranças das brincadeiras... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: