Muitas Chiquinhas para o Brasil!

Chiquinha Gonzaga, com 29 anos (divulgação) Começar 2022, buscar novas possibilidades, trilhar outros caminhos, abrir alas... “Ó, abre alas que eu quero passar”. A ideia comum do ano enquanto criança entrando mundo afora, um planetinha danado de complicado para qualquer adulto e o 2022, engatinhando, carece de enfrentar presságios, previsões, profecias. A maioria dessas é... Continuar Lendo →

Mulheres brasileiríssimas

Para o dia 8 de março saí passeando pela música, lembrando as mulheres todas do nosso imaginário, ícones do nosso povo, exemplos da nossa gente, presentes na música brasileira de todos os tempos. Meu caminho, o abecedário... No “A” encontrei “Ana Júlia”, “Aurora”, “Ana de Amsterdã”, a trágica “Angélica”e a judiada “Amélia”, com freqüência execrada como... Continuar Lendo →

Sempre no Vapor Barato de Jards Macalé

Decidi lá na adolescência, que não queria “ficar dando adeus às coisas passando” e assim, pensando que gostaria de “passar com elas”, sempre estive pronto para sair, ir embora. Percebo, passados tantos anos, que as idéias de “Movimento dos barcos”, de Jards Macalé e Capinan, estão entre os norteadores da minha vida. Não quero ficar... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: