Caravana da Palhaça Rubra e Cia Le Plat du Jour Encerram Mostra Teatral

Encerramento do projeto Arte na Comunidade 3 em Praia Grande, no dia 17/10/15, com a apresentação da peça Brincando entre a Serra e o Mar, de Valdo Resende, com Fabiola Moraes, Ernani Sequinel, Rogério Barsan, Gigi Fernandes e Bruno Fracchia e apresentação do musical Florilégio Musical II - Nas ondas do Rádio, direção de Elias Andreato.
“Brincando Entre a Serra e o Mar” terá apresentações nas duas cidades. Foto: Bruna Quevedo (Just Design)

Santos e Cubatão receberão as últimas apresentações da Mostra Teatral Itinerante do Arte na Comunidade 3. Evento gratuito e aberto ao público, programação é composta por apresentação do espetáculo “BRINCANDO ENTRE A SERRA E O MAR”, escrito e dirigido por Valdo Resende, e por uma peça convidada. Domingo, dia 31 de outubro, em Santos, será apresentada a “Caravana da Palhaça Rubra”. Dia 01 de Novembro, em Cubatão, a peça “Os Três Porquinhos”, da Cia Le Plat du Jour.

CARAVANA DA PALHAÇA RUBRA

A CARAVANA DA PALHAÇA RUBRA, UM SHOW DE VARIEDADES  será conduzido pela Palhaça Rubra, que assume o papel de mestre de cerimônias e faz a ponte entre os palhaços músicos, os acróbatas e o público, que também tem papel fundamental dentro do espetáculo. A linguagem central é a do palhaço cômico e dos jogos de improviso, que envolvem a audiência em todos os números e tornam cada apresentação única.

Palhaça Rubra e Os Três Porquinhos no encerramento da mostra. Foto: divulgação.
Palhaça Rubra e Os Três Porquinhos no encerramento da mostra. Foto: divulgação.

CIA LE PLAT DU JOUR

Os Três Porquinhos é contada através de dois “açougueiros”, Pipo e Pepe, que tem um açougue muito diferente. Nele há todo tipo de carne: carne de óculos, carne de bicicleta, carne de martelo, carne de banana, menos carne de verdade… Um dia lhes pedem carne de porco e então é armada toda a confusão: um dos açougueiros se veste de lobo para desta forma entrar na história Os Três Porquinhos e conseguir a carne tão almejada. Será que conseguirão?  Onde conseguirão?  Como conseguirão? O espetáculo da Cia Le Plat Du Jour é atração para todas as idades.

A Mostra Teatral Itinerante é a quarta e última fase do projeto Arte na Comunidade 3, que contempla as cidades de Cubatão, Guarujá, Santos, São Vicente e Praia Grande. Ao todo foram 262 apresentações nas escolas municipais das 5 cidades, contemplando 22.200 alunos.

Idealizado pela Kavantan & Associados, patrocinado pela Alupar e Taesa e apoiado pela ELTE – Empresa Litorânea de Transmissão de Energia, o projeto Arte na Comunidade 3 leva arte e lazer por meio do teatro e busca o resgate e a valorização da cultura e da memória local.

SERVIÇO:

SANTOS – Dia: 31/out (sábado). Horário: 16h Local: Fonte do Sapo (Praia da Aparecida – canal 5).

Programação: “Brincando Entre a Serra e o Mar” e “Caravana da palhaça Rubra – Um Show de Variedades”.

CUBATÃO – Dia: 01/nov (domingo). Horário: 15h Local: Parque Anilinas (Centro). Programação:

“Os 3 Porquinhos” – Cia Le Plat du Jour  e “Brincando entre a Serra e o Mar” 

Parceria

Cubatão: PMC, SEDUC – CAPFC e SECULT – Rede pela Diversidade Cultural

Guarujá: PMG, SEDUC e SECULT

Praia Grande: PMPG, SEDUC e SECTUR

Santos: PMS, SEDUC – Programa Escola Total e SECULT

São Vicente: PMSV, SEDUC – CECOF e SECULT

Patrocínio: Alupar e Taesa

Apoio cultural: ELTE

Ministério da Cultura/ Lei Rouanet

Sobre a Alupar

A Alupar é uma holding de controle nacional privado, com atuação no setor de energia, mais especificamente nos segmentos de transmissão e geração, tendo como objetivo desenvolver e investir em projetos de infraestrutura relacionados ao setor de energia no Brasil e nos demais países da América Latina.

Santos e Cubatão, Últimas Etapas da Mostra Teatral

Dois eventos do Arte na Comunidade 3, no próximo final de semana, ocorrerão nas cidades de Santos e Cubatão, encerrando as etapas de apresentações públicas na Baixada Santista. Veja abaixo a programação em cada cidade, marquem na agenda e compareçam. Aguardamos todos vocês.

SÁBADO, DIA 31, EM SANTOS:

2 - arte na comunidade 3_mostra teatral_Santos

DOMINGO, DIA 01 DE NOVEMBRO, CUBATÃO:

1 - arte na comunidade 3_mostra teatral_Cubatao

Até lá!

Santos, São Vicente e Cubatão recebem Mostra Teatral Itinerante

A peça "Os 3 Porquinhos" da Cia Le Plat du Jour estará em Cubatão no dia 1 de novembro. A peça “Os 3 Porquinhos” da Cia Le Plat du Jour estará em Cubatão no dia 1 de novembro.
A peça “Os 3 Porquinhos” da Cia Le Plat du Jour estará em Cubatão no dia 1 de novembro.

A Mostra Teatral Itinerante é um evento gratuito e aberto ao público que tem a programação composta por apresentação do espetáculo “Brincando entre a Serra e o Mar”, escrito e dirigido por Valdo Resende, e por uma peça convidada, como “Os Três Porquinhos” da Cia Le Plat du Jour, “No meio da noite escura tem um pé de maravilha”, e “Caravana da Palhaça Rubra”. O evento tem ao todo a duração de 3h30, mas o público pode escolher qual atração quer assistir ou se quer aproveitar toda a programação.

A Mostra Teatral Itinerante é a quarta e última fase do projeto Arte na Comunidade 3, que contempla as cidades de Cubatão, Guarujá, Santos, São Vicente e Praia Grande. A primeira etapa foi de apresentação aberta e gratuita de peças escritas por Valdo Resende especialmente para cada uma das cidades, a segunda e terceira etapa foram de circulação desses espetáculos dentro das escolas municipais, seguido de atividades de incentivo à criação de histórias. Ao todo foram 262 apresentações nas escolas municipais das 5 cidades, contemplando 22.200 alunos.

A “Caravana da palhaça Rubra – Um Show de Variedades” estará em Santos, no dia 31 de outubro
A “Caravana da palhaça Rubra – Um Show de Variedades” estará em Santos, no dia 31 de outubro

Idealizado pela Kavantan & Associados, patrocinado pela Alupar e Taesa e apoiado pela ELTE – Empresa Litorânea de Transmissão de Energia, o projeto Arte na Comunidade 3 leva arte e lazer por meio do teatro a 5 cidades do litoral paulista e busca o resgate e a valorização da cultura e da memória local.

Brincando entre a Serra e o Mar
“Brincando entre a Serra e o Mar” foi criada especialmente para a Mostra Teatral do Arte na Comunidade 3

Cronograma e programação da Mostra Teatral

.

São Vicente – Dia: 25/out (domingo) Horário: 17h. Local: Praça Tom Jobim (Gonzaguinha)

Programação: “Brincando entre a Serra e o Mar” e “No meio da noite escura tem um pé de maravilha

.

Santos – Dia: 31/out (sábado). Horário: 16h Local: Fonte do Sapo (Praia da Aparecida – canal 5).

Programação: “Brincando Entre a Serra e o Mar” e “Caravana da palhaça Rubra – Um Show de Variedades”

 .

Cubatão – Dia: 01/nov (domingo). Horário: 15h Local: Parque Anilinas (Centro). Programação:

Os 3 Porquinhos” – Cia Le Plat du Jour  e “Brincando entre a Serra e o Mar

Até lá!

.

Patrocinado pela Alupar e Taesa e apoiado pela ELTE – Empresa Litorânea de Transmissão de Energia, o projeto Arte na Comunidade 3 está nas cidades de Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente. Realização: – Kavantan & Associados, Ministério da Cultura e Governo Federal. Brasil – Pátria Educadora.

Para Carlos Moreno

Carlos Moreno está em Florilégio II, Nas Ondas do Rádio. Foto João Caldas.
Carlos Moreno está em Florilégio II, Nas Ondas do Rádio. Foto João Caldas.

Das boas coisas que acontecem na vida: Neste final de semana dividirei um palco, em Praia Grande, com Carlos Moreno, na Mostra Teatral que encerra o Arte na Comunidade 3. Uma honra! Carlos Moreno está em “Florilégio Musical II, Nas Ondas do Rádio” e eu sou autor e diretor de “Brincando Entre a Serra e o Mar”.

Como a maioria dos brasileiros conheci Carlos Moreno via televisão. Posteriormente tive a oportunidade de vê-lo em outros trabalhos, principalmente no teatro, sempre admirando o ator talentoso, o grande profissional. Foi em reuniões e eventos promovidos por Sonia Kavantan que nos conhecemos. Em comum, além da amiga, somos quietos, discretos e reservados; ou seja, nada além de papos econômicos, muita cordialidade e, de minha parte, uma dívida.

Estreias teatrais são momentos tensos e, frequentemente, imprevistos causam grandes problemas. Quando a dificuldade é no palco, em cena aberta, dizem que a solução vem com a ajuda dos “deuses do teatro”; todavia, é preciso entrar em cena e para que isso ocorra é necessário que tudo esteja pronto, que cada profissional cumpra com sua parte no complexo ato de montar um espetáculo.

Foi há muito tempo! Dirigi, para a Kavantan & Associados, a peça “Lampião Jr. e Maria Bonitinha”, de Januária Alves. Houve um problema com a profissional responsável pela confecção dos figurinos e os atrasos na entrega do vestuário foram inevitáveis. Mais que atraso, nas vésperas da estreia faltava concluir ajustes e acabamentos em algumas peças. Uma difícil corrida contra o tempo.

Com a estreia marcada para sábado, Sonia Kavantan lembra que foi na véspera que Carlos Moreno chegou ao teatro, oferecendo-se para nos ajudar. Na minha memória ficou o dia da estreia, quando andando de um lado para outro finalizando som, luz, adequando cenários, atendendo chamados de todos os lados, passei pelo subsolo do palco – uma imensa sala de ensaios e afins – vi Carlos Moreno sentadinho no chão, quietinho, agulha e linha nas mãos, terminando uma peça de roupa. Quase alheio ao burburinho daquele momento, Carlinhos – aqui posso denominá-lo assim – estava concentrado, atento ao trabalho e, em dado momento, serviço concluído afastou-se discretamente; como sempre.

Leciono para o curso de Propaganda e Marketing e sempre menciono a longa parceria entre Carlos Moreno e a Bombril. Falo do grupo Pod Minoga e, recentemente, lembro as edições do Florilégio. Quando pertinente conto essa história do ator e afirmo, com a experiência que a vida me propiciou, que os grandes são generosos.

No próximo sábado estaremos na mesma cidade, no mesmo palco. Tomara que tenhamos um dia tranquilo. Não sei se teremos momentos para conversar, trocar ideia, recordar histórias passadas; por enquanto fica aqui a lembrança de um gesto pelo qual expresso minha profunda gratidão.

Obrigado, Carlinhos!

Guarujá na Mostra Teatral do Arte na Comunidade

Guarujá. No dia 18 de outubro, domingo próximo, Sher Holl estará na Praça 14 Bis com a peça BRINCANDO ENTRE A SERRA E O MAR. Texto e direção de Valdo Resende, o espetáculo é parte da Mostra Teatral do Projeto Arte na Comunidade 3. Rogério Barsan é Sher Holl e, com ele, os outros quatro personagens que percorreram as cidades da Baixada Santista através do Arte na Comunidade: Jack Lee, Nenê Cambuquira, Tuca Poderosa e Juju. No mesmo dia, a apresentação da peça A CONDESSA E O BANDOLEIRO. Veja a programação abaixo, anote data e horário e compareça. Entrada Franca.arte na comunidade 3_mostra teatral_Guaruja

Patrocinado pela Alupar e Taesa e apoiado pela ELTE – Empresa Litorânea de Transmissão de Energia, o projeto Arte na Comunidade 3 está nas cidades de Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente. Realização: – Kavantan & Associados, Ministério da Cultura e Governo Federal. Brasil – Pátria Educadora.

Mostra Teatral em Praia Grande

No próximo dia 17 de outubro estaremos em Praia Grande com a peça BRINCANDO ENTRE A SERRA E O MAR. Junto com Juju, a personagem  apaixonada pela cidade, estarão seus quatro companheiros de jornada pela Baixada Santista: Jack Lee, Nenê Cambuquira, Tuca Poderosa e Sher Holl. A entrada é franca. Veja detalhes na imagem abaixo e fiquem atentos. Aqui, no blog, daremos maiores detalhes sobre a mostra teatral que encerra nosso projeto na região.

arte na comunidade 3_mostra teatral_PGrande

Patrocinado pela Alupar e Taesa e apoiado pela ELTE – Empresa Litorânea de Transmissão de Energia, o projeto Arte na Comunidade 3 está nas cidades de Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente. Realização: – Kavantan & Associados, Ministério da Cultura e Governo Federal. Brasil – Pátria Educadora.

Para alimentar um sonho

Slide2

Descer caminhando pela Estrada Velha de Santos é uma das coisas que ainda sonho fazer. Gosto de verde, gosto de montanhas e fico sempre fascinado com a Serra do Mar. Desde criança guardo na memória uma imagem da Via Anchieta e, sonho dois, gostaria demais de sobrevoar a região de helicóptero, ou de balão, e ver lá de cima todos os detalhes dessas obras fenomenais: Anchieta, Imigrantes, a via férrea, a Estrada Velha e, é claro, toda a imensidão verde.

Provavelmente é o que podemos chamar de destino o que nos leva para bem perto daquilo que amamos. E assim estou trabalhando na Baixada Santista e passando pela Serra com uma frequência nunca imaginada. Mais que passar por esse prodígio da natureza, o convite de Sonia Kavantan levou-me a estudar e pesquisar a região priorizando os cinco municípios que estão recebendo o Projeto Arte na Comunidade 3: Cubatão, Guarujá, Praia Grande, Santos e São Vicente.

Slide1

Fui lá atrás, nos tempos dos homens do sambaqui, passei pelos nossos indígenas, relembrei a chegada dos europeus… e a Serra permeando tudo, deixando mais do que evidente os motivos da expressão usada por Dinah Silveira de Queiroz: A Muralha. Hoje subi a Serra do Mar. Entre a rodoviária de Santos e a estação do Jabaquara não passou uma hora. Atravessei a muralha que, certamente, ainda guarda incontáveis segredos.

Quando desci para ensaiar, na sexta, veio uma necessidade maior de fixar algumas imagens, mesmo que através da janela do ônibus. Uma brincadeira despretensiosa. A montagem teatral com a qual concluiremos o Arte na Comunidade 3 na Baixada Santista tem por título BRINCANDO ENTRE A SERRA E O MAR.  A peça sintetiza os trabalhos anteriores que realizamos nas cinco cidades visitadas. Agora somamos aos aspectos históricos e característicos de cada município outros, da Serra e de toda a Baixada.

Slide3

O sonho de descer a Serra não está adiado. Continua sonho. Todavia, a intimidade cresceu e a admiração e o fascínio também. Sei que as fotos não são as melhores. Algumas ficarão neste post e outras na minha página, no Facebook. Que Sebastião Salgado me perdoe, mas elas estão aqui apenas para alimentar o sonho de todo aquele que, como eu, ama e sonha em caminhar por esse lugar.

Até mais!