ELIPSE (Abecedário do Vava)

Αcalanto para o mundo, Coro à capela, 59 velas acesas. Graças, bom Deus, pela minha vida.  Boa Vista, Bela Vista. Nasci no Boa, na Bela moro. Vista. Nem bela, nem boa: uso óculos. Confiança e carinho Meus pais, meus irmãos… Afeto pouco é bobagem.  Desafio: Desvelem-me! Nem sei quem sou. Faço-me em palavras e constato:…

A falecida, uma morte e a suicida

Conhecer Nelson Rodrigues através dos textos agradáveis que ele escreveu é muito bom; filmes e especiais de TV com adaptações de sua obra agradam bastante. Todavia, é no teatro que se concretiza a magia do dramaturgo excepcional, com uma obra que merece as constantes montagens. De 1943 para cá, desde a estréia de “Vestido de…

Esse tal de Roque Enrow!

Eu conheço pouco o cidadão, “esse tal de Roque Enrow”. Tenho a impressão que regrediu, que estacionou. E Dona Rita Lee (dona dos versos da canção, presentes abaixo) permanece atualíssima: Quem é ele? Esse tal de Roque Enrow! Uma mosca, um mistério Uma moda que passou -Já Passou! Ele! Quem é ele? Estou mais para…

Na, na, na, na, Nanana Nanana…

Meu amigo Marcos Ravena deu a dica enviando o link, que ele viu no blog do Saulo Mileti (http://www.brainstorm9.com.br) que, por sua vez, recebeu a dica de uma mulher que não conheço. E assim se faz a internet e aqui vou eu, ampliando e indo além com esse vídeo, simples e genial. Um grupo de músicos…

Richard Hamilton: Uma visão sobre o mundo

Dizer que um artista está à frente do seu tempo é comum, quase óbvio. E quando esse artista cria uma obra que deveria ser apenas uma ilustração para um catálogo e esta se torna um ícone artístico? E se a exposição tem por título “This is Tomorrow” e o artista sinaliza, em 1956, um modo…