Pichadores e grafiteiros

em
Expressão artística no caos urbano

Em aulas recentes, ocorreram acaloradas discussões sobre manifestações visuais – pichadores e grafiteiros – nas ruas de São Paulo. Arte urbana para uns, falta de respeito para outros. O debate é intenso. Ocorreu-me a necessidade de voltar ao assunto agora, tempos depois da lei municipal que proibiu a publicidade no espaço urbano.

Arte de rua e publicidade em São Paulo é passado

Como o assunto é longo, vamos por partes. Escolhi dois vídeos, pequenos documentários sobre essas manifestações. Serve para introduzir o assunto. Recebi de minha aluna, Sarah Granelli, a indicação do vídeo sobre os pichadores (é, a grafia correta é “ch” e não com “x”; a utilização deste certamente decorre do uso popular).

Manifestação que ignora a propriedade alheia

Vale à pena ver a ousadia, o underground exposto no documentário de João Weiner e Roberto Oliveira. As cenas dos garotos escalando o edifício são imperdíveis.

Outro documentário, este feito por alunos da Universidade Metodista, é bem didático, abrangendo os fatos históricos e fazendo a distinção entre as diferentes manifestações, dando ênfase aos grafiteiros.

Pretendo voltar ao assunto. A idéia é sair e registrar algumas imagens do que há pela cidade. Refletir sobre essas manifestações agora sem a “competição” com as placas publicitárias. Vê-las em relação com a arte pública instituída – os grandes e pequenos monumentos – e em convivência com a arquitetura urbana. Sobretudo ver o que aproxima, gratifica e une a população da cidade,

Uma boa semana para todos

 

4 comentários Adicione o seu

  1. MURILLO MOLINARI disse:

    Ae Prof. esse assunto muito me interessa, tenho muito material comigo aqui, girias, videos, fotos, documentarios, varias historias dos roles tambem hahaha, show Prof.! Forte Abraço.

  2. Aqui vai um trecho de um documentário sobre o assunto ainda em produção. No video em questão, o artista Cranio, o pai dos indios azuis que povoam São Paulo.

    http://www.zupi.com.br/index.php/site_zupi/view/cranio_-_sampa_graffiti/

    1. valdoresende disse:

      Valeu, Reginaldo. Obrigado.

  3. samuel disse:

    gosto mto de grafites e qdo se falam neles não posso deixar de citar os gêmeos e a história fantástica deles pelo mundo afora!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s