Vigia noturno

Vigia noturno/valdo resende

Depois de um dia extenuante

Sobram ânsias de abraços receptivos

Um colo para repousar a cabeça

Cafunés que antecipem sonhos.

Sem romance, sem realidade,

Apenas aconchego.

São Paulo quase serenada

Acalenta faces com ar fresco

Facilitando passos apressados.

Quantos terão o abraço,

Quais repousarão sobre um colo?

Silêncio; nenhum sussurro.

A cidade guarda seus segredos.

.

Valdo Resende/2014

.

Autor: valdoresende

As formas de expressão dominam minha vida. E aqui, neste blog, pretendo escrever sobre elas, sobre meu cotidiano, as coisas e pessoas que curto. Sou professor, escritor, diretor teatral, mestre em artes visuais pela UNESP e um pouco mais. Frutos de uma vida, graças a Deus, intensa.

Uma consideração sobre “Vigia noturno”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: