O sonho

Parque em Mendoza

.

O amor tem olhos brilhantes, recíproco olhar ;

Um sorriso tímido e suave nos momentos de assentimento,

A cabeça repousando confiante sobre meu ombro e

Uma voz ensaiando timbres ao brincar pequenos segredos.

.

Amar é ser aquecido no calor do outro corpo

Repousar no descanso uma cabeça sobre o braço.

Sem abrir os olhos, saber que o dia amanheceu porque há beijos.

.

Completa este sonho o caminhar exclusivamente em par

Levar a vida sem espera, distâncias, intervalos

Entoando um único e mútuo mantra: “- te amo!”

.

Valdo Resende, agosto/2013

.

Autor: valdoresende

As formas de expressão dominam minha vida. E aqui, neste blog, pretendo escrever sobre elas, sobre meu cotidiano, as coisas e pessoas que curto. Sou professor, escritor, diretor teatral, mestre em artes visuais pela UNESP e um pouco mais. Frutos de uma vida, graças a Deus, intensa.

2 comentários em “O sonho”

Deixe uma resposta para Samuel Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: