Outras viagens

BANZO Diante desse marzão que assustaCom seus mistérios e movimentos constantes,ondas incertas sob sol escaldantepenso nas montanhas de Minasnos chapadões da minha terra.Não sendo daqui, sabendo que não voltarei para lásinto-me estrangeiro em todo cantoe trago constantemente na bagagemUm pouco de tristeza, nostalgia e saudade. Recife, verão de 2014 QUARTO DE HOTEL Agora, quando distante... Continuar Lendo →

Memórias de Assis, o Santo e a Cidade

São Francisco, de Cimabue, em trabalho recriado por João Gilberto Falioni Um dia estive em Assis. Queria conhecer a cidade do Santo, que conheci melhor e passei a amar depois de ver Irmão Sol, Irmã Lua, o filme de Zeffirelli.  É encantadora a história do jovem que renega os bens (Abaixo o capitalismo!) e abandona... Continuar Lendo →

Viagem Nº 2

Oh tristeza, me desculpe Estou de malas prontas Hoje a poesia veio ao meu encontro Já raiou o dia, vamos viajar                Estava aqui, com meus botões já gastos de tanto confinamento e, de repente, deixei a memória ir longe, onde tudo é possível. Com jeitinho, tudo é até melhor, mais bonito, mais saudável. Benditas... Continuar Lendo →

1ª Viagem do Trem das Lives

Estamos nos preparativos finais dessa viagem, o que implica muita adrenalina, várias reuniões, incontáveis mensagens pelas vias possíveis. De há muito sei que uma travessia, em si, não se resume a trajeto, chegada, retorno. Preparar-se, e curtir todas as tarefas necessárias, é garantir maiores probabilidades de êxito. Sonhando muito, planejando o tempo todo, sem esquecer... Continuar Lendo →

Companheiro de viagem

O instante vai e a paisagem torna-se turva Lembrança desfocada como a foto tirada pela janela do carro em movimento. O vazio vence a excitação, já que o velho cotidiano toma conta; Antes que vença, ainda recorremos a fotografias, retendo o recente vivido. Brinco com o garoto que, cúmplice do tempo, já ostenta 13 anos... Continuar Lendo →

Viagem fora desse mundo

Que ninguém fique chateado por estar no nosso velho planeta. Cair fora desse mundo já é possível para qualquer mortal com saúde e alguns milhares de dólares para gastar. A viagem é curta, apenas uma hora de duração. A distância também não é nenhum exagero: apenas 100 quilômetros. A questão é que essa horinha será... Continuar Lendo →

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: